Dívidas: 5 dicas para você e seu negócio saírem do vermelho

Dificuldades financeiras são, quase sempre, inevitáveis no caminho de qualquer empreendedor. Dos pequenos aos grandes, todos estão sujeitos à ter dívidas em algum momento da vida de sua empresa.

O ideal é claramente não deixar que a situação chegue a esse ponto, o que já é difícil mesmo em épocas normais. Mas em momentos de crise econômica, escapar das dívidas se torna algo quase impossível.

Há meios de contornar esse cenário complicado e dar a volta por cima, como tantas outras empresas já fizeram. O importante é encarar o problema de frente e não desanimar.

Vamos resolver a situação? Confira estas cinco dicas para a sua empresa sair do vermelho!

1. Ajustes os seus preços

O necessário para sanar dívidas e sair de uma situação financeira complicada é dinheiro! Por isso, é muito importante que você faça uma pesquisa entre os seus concorrentes para descobrir o preço que eles estão praticando.

Tente obter vantagem na precificação dos seus produtos, a fim de aumentar as vendas frente aos seus concorrentes. Para isso, é preciso que você mantenha um controle rígido do seu estoque para viabilizar o menor preço possível, sem que haja prejuízo.

2. Escape da concorrência

Lembre-se de que a sua meta principal deve ser aumentar as vendas. Uma boa estratégia de fazer isso é descobrir áreas que os seus concorrentes não conseguem cobrir. Pense em alguma necessidade que seus clientes tenham, localidades que não são atendidas, ou ainda entregue algo com o seu diferencial. 

3. Controle as contas do seu negócio

Depois de reestruturar a sua estratégia de vendas, com uma precificação eficiente e buscando atingir locais livres de concorrência, é hora de verificar onde é possível realizar cortes.

Verifique todos os seus gastos fixos e variáveis e identifique os realmente necessários. Possivelmente, ao realizar essa análise, você encontrará custos que podem ser cortados do seu orçamento. Às vezes é difícil tomar tal decisão, mas é o futuro do seu negócio e, consequentemente, o seu que está em jogo.

4. Encontre a melhor maneira de pagar as suas dívidas

Aqui não há receita mágica a ser seguida. É preciso gastar algumas boas horas analisando cada aspecto do seu negócio para encontrar a melhor solução para quitar os seus débitos. Basicamente, há duas maneiras de fazer isso: aumento de preços ou corte de gastos.

Ambas as opções têm suas consequências, e o fundamental é escolher aquela que proporcionará aumento de receita sem perda de competitividade. Talvez aumentar os preços seja tentador à primeira vista, mas o risco de perder mercado é grande. Quanto aos custos, pode haver perda de produtividade caso você opte por cortar alguns deles.

De fato, é uma decisão difícil. Seja qual for a melhor opção para a sua empresa, esteja ciente de que ela exigirá algum sacrifício.

5. Só faça retiradas se tiver lucro

Isso parece óbvio, mas, infelizmente, não é uma regra para muitos empreendedores – grandes ou pequenos. As retiradas do caixa da empresa só podem ser realizadas quando houver lucro, caso contrário esse é um caminho curto para o endividamento.

Como estamos tratando de empresas que já estão no vermelho, a coisa é ainda mais grave: fazer retiradas sem estar tendo lucro só vai piorar a situação. Mais uma vez, é preciso estar disposto a fazer esse sacrifício necessário para a saúde e o futuro da sua empresa.

Mãos à obra: fique livre das dívidas!

Tirar uma empresa do vermelho não é uma tarefa fácil. Assim como não foi fácil abrir o seu negócio e, no entanto, você conseguiu. Portanto, tenha em mente que o mais importante é manter o controle e o foco para se livrar das dívidas, pois esses são o segredo do sucesso e do crescimento.

Agora que você viu algumas pequenas dicas para tirar o seu negócio do vermelho, aproveite para compartilhar o post nas suas redes sociais!